segunda-feira

Terra Santa nos tempos de Jesus

Cidades em que Jesus passou durante seu Ministério na Terra citadas no Evangelho de Mateus

1. Tiro e Sidom -  Antigas cidades a margem do Mar Mediterrâneo onde se encontra hoje o Líbano. Jesus curou a filha de uma mulher cananéia, descendente de Cananeus que Josué expulsou da terra Prometida, cujos descendentes ficaram concentrados em Tiro. (Mt. 15:21–28).
2. Monte da Transfiguração -  Atual limite entre Libano e Síria. Jesus foi transfigurado diante de Pedro, Tiago e João. (Mt.17:1-8)
3. Cesaréia de Filipe -  Hoje é um local arqueológico perto da fronteira Israel-Síria, junto à nascente do rio Jordão. Pedro testificou que Jesus é o Cristo, o Filho do Deus Vivo! (Mt. 16:13–20). Jesus predisse sua morte e ressurreição (Mt. 16:21–28).
4. Região da Galiléia -  Grande região situada no norte de Israel que se confunde com a maior parte do Distrito administrativo do norte do país.   Jesus passou a maior parte de sua vida e ministério na Galiléia (Mt. 4:23–25). Nessa região, Ele pregou o Sermão da Montanha (Mt. 5–7); curou um leproso (Mt. 8:1–4); e escolheu, ordenou e enviou os Doze Apóstolos a pregar, sendo que aparentemente apenas Judas Iscariotes não era originário da Galiléia (Mc. 3:13–19). Na Galiléia, Cristo ressuscitado apareceu aos Apóstolos (Mt. 28:16–20).
5. Mar da Galiléia ou lago de Genesaré é um extenso lago de água doce, fronteira entre Israel, Cisjordânia e Jordânia, com comprimento máximo de cerca de 19 km e largura máxima de cerca de 13 km. Também foi chamado de mar de Tiberíades.  Jesus entrou no barco de Pedro para ensinar (Mt. 5:1–3) e chamou Pedro, André, Tiago e João para que se tornassem pescadores de homens (Mt. 4:18–22). Ele também acalmou a tempestade (Mateus 8:23-27), ensinou parábolas de um barco (Mt. 13), andou sobre o mar (Mt. 14:22–32), e apareceu aos discípulos após Sua ressurreição (João 21).
6. Betsaida - Pedro, André e Filipe nasceram em Betsaida (João 1:44). Jesus retirou-se com os Apóstolos para perto de Betsaida. As multidões seguiram-No e Ele alimentou os 5.000 (Lc. 9:10–17; João 6:1–14). Jesus curou um cego nessa cidade (Mc. 8:22–26).
7. Cafarnaum -  Era a casa de Pedro (Mt. 8:5, 14). Em Cafarnaum, que Mateus dizia ser a “cidade de Jesus”, este curou um paralítico (Mt. 9:1–7; Mc. 2:1–12), curou o servo de um centurião, curou a mãe da esposa de Pedro (Mt. 8:5–15), chamou Mateus como um de seus Apóstolos (Mt. 9:9), curou cegos, expulsou um demônio (Mt. 9:27–33), curou a mão mirrada de um homem no sábado (Mt. 12:9–13), pregou o sermão do pão da vida (João 6:22–65) e concordou em pagar impostos, dizendo a Pedro que tirasse o dinheiro da boca de um peixe (Mt. 17:24–27).
8. Magadã - Era onde Maria Madalena morava (Mc. 16:9). Jesus foi a esse lugar depois de alimentar os 4.000 (Mt. 15:32–39), e os fariseus e saduceus pediram que Ele lhes mostrasse um sinal do céu (Mt. 16:1–4).
9. Caná  - Jesus transformou a água em vinho (João 2:1–11) e curou o filho de um nobre que estava em Cafarnaum (João 4:46–54). Caná foi também o lar de Natanael (João 21:2).
10. Nazaré -  As anunciações feitas a Maria e a José ocorreram em Nazaré (Mt. 1:18–25; Lc. 1:26–38; 2:4–5). Depois de voltar do Egito, Jesus passou sua infância e juventude nessa cidade (Mt. 2:19–23; Lc. 2:51–52), anunciou que Ele era o Messias e foi rejeitado pelos seus (Lc. 4:14–32).
11. Jericó  - Jesus deu a visão a um cego (Lc. 18:35–43). Ele também jantou com Zaqueu “um chefe dos publicanos” (Lc. 19:1–10).
12. Betânia (Betabara) -  João Batista testificou que ele era “a voz do que [clamava] no deserto” (João 1:19–28). João batizou Jesus no Rio Jordão e testificou que Jesus é o Cordeiro de Deus (João 1:28–34).
13. Deserto da Judéia - João Batista pregou nesse deserto (Mt. 3:1–4), onde Jesus jejuou durante 40 dias e foi tentado (Mt. 4:1–11).
14. Emaús - O Cristo ressurreto caminhou pela estrada para Emaús com dois de seus discípulos (Lc. 24:13–32).
15. Betfagé  - Dois discípulos trouxeram uma jumenta com a qual Ele começou sua entrada triunfal em Jerusalém (Mt. 21:1–11).
16. Betânia - Era o lar de Maria, Marta e Lázaro (João 11:1). Maria ouviu as palavras de Jesus e Jesus falou a Marta e respeito de se escolher a “boa parte” (Lc. 10:38–42); Jesus levantou Lázaro dos mortos (João 11:1–44); e Maria ungiu os pés de Jesus (Mt. 26:6–13; João 12:1–8).
17. Belém - Jesus nasceu e foi colocado em uma manjedoura (Lc. 2:1–7); anjos anunciaram o nascimento de Jesus aos pastores (Lc. 2:8–20); homens sábios foram guiados por uma estrela até Jesus (Mt. 2:1–12); e Herodes matou os meninos (Mt. 2:16–18).